Apontada como fornecedora de milhões em latas de leite moça ao governo, Azenate Ribeiro nega que tenho feito negócio milionário com o Palácio do Planalto

Eita que o moído entre a empresa que vendeu milhões em leite condensado ao governo federal, e o governo federal, está só começando:

Por BERTHA MUNIZ

CAMPOS – Nesta semana, uma reportagem feita pelo site Metrópoles apontou que todos os órgãos do governo de Jair Bolsonaro teriam pago, juntos, mais de R$ 1,8 bilhão em alimentos no ano de 2020 – um aumento de 20% em relação a 2019.

Chamando atenção especial para os 15 milhões de reais em leite condensado, a um custo unitário, preliminarmente, de R$162,00.

De acordo com dados do Portal da Transparência do governo federal, que ficou fora do ar nesta terça-feira (26), a empresa “Saúde e Vida Comercial de Alimentos Eireli” pertence a Azenate Barreto Abreu. Em suas redes sociais Azenate declara ser natural do município de Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense. Ele mesma afirma ter estudado no Colégio 29 de Maio, próximo aos bairros Parque Leopoldina e Pecuária.

A empresária é casada com Elvio Rosemberg da Silva Abreu, um pastor que, em suas redes sociais, também declara já ter morado em Campos, mas afirma residir, atualmente em Uberlândia, no estado de Minas Gerais.

O casal é pai de Elvio Abreu Júnior, que também teria assinado contratos milionários com o governo federal que somam 25 milhões de reais. Apesar de terem, supostamente, faturado cerca 30 milhões de reais com estes contratos, nas redes sociais, Elvio e Azenate não ostentam riquezas e mostram uma vida sem luxo.

A empresa administrada pelo casal é sediada em Brasília. Após ter sido descoberta como dona da empresa, com uma publicação feita através do Twitter por @Boscardin, Azenate excluiu sua conta no Facebook.

Confira os tuítes do jornalista @Boscardin e da escritora que se diz detetive, Daniela Abade, que trabalhou na apuração.

Apesar da empresa de Azenate estar estar no portal da transparência como tendo vendido milhões de reais em latas de leite condensado….ela jura que vendeu o equivalente a 2 latas.

Só um pratinho de brigadeiro.

Azenate conversou com Daniela.

Tem mais….

Pelo jeito, a queda de braço entre Azenate e o Palácio do Planalto está só começando.

Thaisa Galvão*

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.