Rogério Marinho vai da badalação ao limbo

Ao ser derrotado nas eleições de 2018, punido pelo eleitor pela relatoria da reforma trabalhista, o ex-deputado federal Rogério Marinho (PSDB) “caiu para cima” ganhando cargo de segundo escalão no Governo Federal.

Na reforma da previdência potiguar entregou o prometido ao presidente Jair Bolsonaro e ao mercado financeiro.

Estava em alta.

Há dois meses este operário da informação com conversava com uma pessoa de trânsito livre em Brasília e ela demonstrava admiração com o respeito conquistado por Marinho.

Não por acaso ele era cotado para ser candidato pelo Estado de São Paulo, onde as reformas rejeitadas no Nordeste têm mais aceitação.

Agora o secretário nacional de trabalho e previdência está sendo fritado nos bastidores do Palácio do Planalto. Pesa contra ele a crise das filas do INSS e a ideia de taxar o seguro-desemprego. Tudo isso num cenário de disputas pela sucessão das presidências das duas casas congressuais. Segundo informações do Estadão.

O tucano foi da badalação ao limbo.

Fonte: Blog do Barreto*

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.