Ronaldo Caiado rompe com Bolsonaro

Em coletiva há pouco, Ronaldo Caiado também disse que só falará com Jair Bolsonaro, daqui para frente, por meio de comunicados oficiais.

“Fui aliado de primeira hora, durante todo o tempo. Mas não posso admitir que venha agora um presidente lavar as mãos e responsabilizar outras pessoas por um eventual colapso. Não faz parte da postura de governante.”

Caiado considerou o pronunciamento de ontem à noite de Bolsonaro “irresponsável e desrespeitoso”.

“Dizer que isso é um resfriadinho, uma gripezinha? Ninguém definiu melhor que Obama: na política e na vida, a ignorância não é uma virtude.”

O Antagonista

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.