Advogada rebate acusações contra família de jovens caicoenses mortos em acidente

0
1279

A família dos jovens Jonathan Costa e Ismael Leandro, mortos no trágico acidente ocorrido na ponte sobre o Rio Barra Nova, no último dia 11 de setembro, se pronunciou através de sua advogada, Anairam Lima.

Segundo a defensora, os familiares “externaram sua versão acerca da divulgação em alguns setores midiáticos de que teriam sido proferidas ameaças contra o motorista do ônibus que colidiu com os jovens, ceifando a vida dos mesmos”.

Ainda de acordo com a advogada, os parentes Jonathan e Ismael (que eram primos) alegam intenso sofrimento moral suportado por “essas inverdades que foram publicadas na internet e que tomou proporções gigantescas”. “Em momento algum se quer houve qualquer ato por parte da família que violasse qualquer direito”, disse Anairam.

O que os familiares querem, confirmou Anairam, é que as coisas sejam resolvidas de acordo os ditames legais brasileiros e jamais de outra forma. Os mesmos também refutam com veemência as calúnias praticadas quanto aos jovens depois de mortos, “pois foi noticiado que eles pertenciam ao mundo da criminalidade, o que não procede”.

“Ambos possuíam trabalho certo – em loja e o outro numa tecelagem – e eram arrimo de família. Desta forma, a família externa publicamente sua opinião e também acrescenta que fora noticiado que houve assistência por parte da Fazenda Pública municipal responsável pelo ônibus, o que não procede. Até o momento  não receberam nenhum auxílio”, concluiu a advogada.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here