Nota de mobilização: Julho Amarelo – Mês de Combate às Hepatites Virais

A Secretaria de Estado da Saúde Pública, por meio de sua Coordenadoria de Promoção a Saúde, da Subcoordenadoria de Vigilância Epidemiológica e do Programa Estadual IST/AIDS e Hepatites Virais, lança nota de mobilização aos municípios potiguares:

 

As hepatites virais são doenças causadas por vírus que prejudicam o fígado e nem sempre apresentam sintomas. Existem vários tipos, classificadas por letras do alfabeto. No Brasil, as mais comuns são as causadas pelos vírus A, B e C. Muitas pessoas no Brasil são portadoras dos vírus B ou C e não sabem, isso aumenta os riscos da infecção evoluir e se tornar crônica, causando danos mais graves ao fígado, como cirrose e câncer. Por isso, é importante ir ao médico regularmente e fazer os exames de rotina que detectam as hepatites.

No ano de 2018, foram notificados 223 casos confirmados de hepatites virais no Sistema de Informação de Agravos Notificáveis (SINAN) do Rio Grande do Norte, sendo 14 casos de hepatite A, 70 casos de Hepatite B, 137 casos de hepatite C e 02 casos com Hepatite B+C, verificando-se, dessa forma, um aumento de 9% no registro de casos confirmados se comparado ao ano de 2017.

Considerando esse cenário, a Secretaria de Estado da Saúde Pública (SESAP), através do Programa Estadual IST/Aids e Hepatites Virais, vem por meio desta nota mobilizar os municípios para reforçarem as ações de prevenção das hepatites, durante o mês de julho, com a realização de testes rápidos (Hepatites B e C), vacinação contra a Hepatite A (para faixas etárias preconizadas pelo Ministério da Saúde), vacinação contra a Hepatite B (para todas as faixas etárias) e orientação ao uso de preservativos.

A SESAP sugere que os municípios reflitam a sua cultura e realidade local, utilizando todos os meios de comunicação acessíveis à população geral e realizem atividades de mobilização, buscando o envolvimento das Organizações da Sociedade Civil, Empresas, Instituições de ensino público e privado, Sindicatos e outros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.