Caso F. Gomes: advogado abandona defesa de Gordo da Rodoviária

0
198

O advogado Antônio Carlos de Souza Oliveira abandonou a defesa do comerciante Lailson Lopes, acusado de mandar matar o radialista F. Gomes em outro de 2010. Antônio Carlos alegou motivo de foro íntimo para não mais defender Lailson, conhecido como Gordo da Rodoviária.

“Protocolei a renúncia dos poderes a mim conferidos pelo Lailson na tarde desta terça-feira (28). Tomei essa decisão após o surgimento de algumas denúncias infundadas, que não foram comprovadas. Eu me senti prejudicado e, por motivo de foro íntimo, resolvi abandonar o caso”, falou Antônio Carlos à reportagem do portal TN Online.

Antônio Carlos (foto) assumiu a defesa de Gordo da Rodoviária quando o processo já se encontrava na fase de instrução. Lailson Lopes é apontado pela polícia e pelo Ministério Público como sendo mandante da morte do radialista Francisco Gomes de Medeiros, crime cometido no dia 18 de outubro de 2010, em Caicó. O desempregado João Francisco dos Santos, o Dão, é réu confesso do assassinato. Tanto o Gordo da Rodoviária quanto o Dão continuam presos aguardando decisão judicial.

Da Tribuna do Norte

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here