Homicídios caem em 30% nos primeiros seis meses no RN

0
229

A Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed) apresentou, em conjunto com a Polícia Militar, Polícia Civil, Instituto Técnico-Científico de Perícia (ITEP) e Corpo de Bombeiros Militar (CBM), nesta terça-feira (02), um balanço das ações em Segurança Pública no primeiro semestre de 2019.

Com base nos dados estatísticos divulgados pela Coordenadoria de Informações Estatísticas e Análises Criminais (Coine), foram registradas neste período, 718 ocorrências de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI), uma redução de 30% quando comparado ao mesmo período no ano de 2018, onde foram registrados 1.033 CVLIs. A redução deste número resulta em 315 vidas poupadas de janeiro a junho de 2019.

Além da redução nos números de CVLIs, a Coine aponta uma redução em outras áreas criminais. Nas ocorrências de ataques a bancos, foram registradas 16 ocorrências no período destacado em 2019, uma diminuição em 13 registros, e uma queda de 44%, quando comparado ao mesmo período do ano anterior.

Nas estatísticas referentes aos números de ocorrências de estupro na Região Metropolitana de Natal, mais uma redução significativa. No primeiro semestre em 2018, haviam sido registradas 29 ocorrências. Para o mesmo período em 2019, uma redução de 65%, e o registro de 10 crimes.

Em ações de Condutas Violentas contra o Patrimônio (CVP) de forma geral, o primeiro semestre de 2018 resultou em 6.073 ocorrências, uma redução em 128 registros, quando comparado a 2019, onde ocorreram 5.945.

“O trabalho integrado dos agentes de segurança proporciona o alcance desses resultados. Todas as instituições que fazem parte da segurança pública do Rio Grande do Norte devem ser reconhecidas pelo esforço e força de trabalho que estão mostrando”, ressaltou o secretário de Segurança e Defesa Social, coronel Francisco Araújo.

POLÍCIA MILITAR

A Polícia Militar do Rio Grande do Norte, por meio do Comando de Polícia Rodoviária Estadual (CPRE), no período de janeiro a junho de 2019, confeccionou 14.115 autos de infração, realizou 2.949 testes de alcoolemia, registrou o recolhimento de 698 Carteiras Nacionais de Habilitação (CNH), e de 423 Certificados de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV), e recuperou 47 veículos. Além destes números, a CPRE apreendeu dez armas de fogo, e registrou nove ocorrências de apreensão de entorpecentes.

Com atuação na região metropolitana de Natal, o Comando de Policiamento Metropolitano (CPM) prendeu 154 pessoas, apreendeu 317 armas, e registrou 274 ocorrências de apreensão de drogas. O Comando atuou ainda na recuperação de 207 veículos.

No interior do Rio Grande do Norte, o Comando de Policiamento do Interior (CPI) efetuou 251 prisões e capturou 36 foragidos. Entre apreensões, o Comando recolheu 137 armas, registrou 116 ocorrências de apreensão de drogas, e apreendeu 38 veículos e 23 motos. O CPI realizou a recuperação de 281 veículos.

Em parceria com o Departamento Estadual de Trânsito (Detran), a Polícia Militar atuou em todas as 50 deflagrações da Operação Lei Seca, em todo o Rio Grande do Norte neste primeiro semestre de 2019, onde foram registrados 17.509 testes realizados.

ITEP

O Instituto Técnico-Científico de Perícia (ITEP-RN), que conta com serviços de plantões de 24 horas da Medicina Legal e da Perícia Criminal em todas as unidades regionais do ITEP, realizou quase 13 mil perícias no período de janeiro a junho de 2019.

No primeiro semestre deste ano, foram emitidas aproximadamente 200 mil carteiras de identidade, em atendimentos realizados nas 21 Centrais do Cidadão espalhadas pelo Rio Grande do Norte.
Para a elaboração do banco de perfis genéticos estadual, que será conectado ao sistema nacional, como importante aliado no combate à criminalidade, o ITEP-RN coletou somente nos primeiros seis meses deste ano, mais de 300 amostras biológicas de apenados do sistema prisional potiguar.

POLÍCIA CIVIL

A Polícia Civil do Rio Grande do Norte, no período de janeiro a maio de 2019, efetuou a prisão de 828 suspeitos por crimes diversos, e deflagrou aproximadamente 30 operações em todo o estado do Rio Grande do Norte. Neste período, a Polícia Civil realizou a apreensão de quatro toneladas de drogas, recuperou 1.882 veículos, e remeteu 2.833 inquéritos policias a Justiça.

BOMBEIROS

O Corpo de Bombeiros Militar teve os seus maiores índices em ocorrências de prevenção. No primeiro semestre de 2019, foram analisados mais de 1.800 projetos, outros 2.000 foram vistoriados. Em ocorrências, os Bombeiros atuaram em 359 atendimentos com utilização da ambulância, em 662 situações de enxame de insetos, em 317 ocorrências relacionadas a árvores oferecendo perigo.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here