Governadora empossa novos diretores de unidades prisionais do RN

“É muito bom ver os frutos de um trabalho de dois anos desabrochando”. Foi com este sentimento de dever cumprido que a governadora Fátima Bezerra, acompanhada do vice-governador e coordenador do Plano Estadual de Segurança Pública, Antenor Roberto, empossou quatro novos diretores de importantes unidades prisionais do Rio Grande do Norte (RN). A solenidade de assinatura do termo de posse foi realizada nesta quarta-feira, às 15h, no auditório da Escola de Governo, no Centro Administrativo do Estado.

Empossado para gerir o presídio de Alcaçuz, Flávio Lúcio Batista de Almeida, discursou em nome de todos os novos diretores e disse: “tenho autonomia para falar, pois, sou policial e gestor há 12 anos. Aprendi errando e acertando, combatendo situações adversas. Agradeço demais a confiança que me foi depositada. Farei o meu melhor”.

Os outros três novos diretores empossados, são: Márcio do Carmo de Morais, para a direção da Penitenciária Agrícola Dr. Mário Negócio, em Mossoró; José Antunes de Oliveira Pereira, para o Centro de Detenção Provisória de Apodi e Arthur Cavalcanti Cordeiro, empossado como diretor da Cadeia Pública Dinorá Simas, em Ceará-Mirim.

Aos presentes, a governadora relembrou que, há pouco mais de dois anos, o RN foi classificado como o estado mais violento do país. Porém, após diversos investimentos na área da segurança, a situação foi revertida.

Sobre esses investimentos, a chefe do Executivo estadual destacou que nos seis primeiros meses de 2020, a Secretaria da Administração Penitenciária (Seap) executou 62 contratos para o aparelhamento, modernização e custeio do sistema prisional do Estado, totalizando R$ 39,2 milhões em recursos.

Fátima também disse que, atualmente, o RN é o único estado da federação a contar com equipamentos de escaneamento corporal em todas as suas unidades prisionais. O investimento acabou com a revista constrangedora, proporcionando mais dignidade aos familiares dos internos e aos policiais penais. “O trabalho não tem ficado apenas no discurso”, afirmou.

O Secretário da Seap, Pedro Florêncio, elogiou o empenho do Governo do RN na área da segurança penal e da segurança pública. “Este é um momento muito singular, de muito valor, de muito significado e isso nos deixa muito orgulhosos. Seu governo transformou nosso sistema prisional, foi feito mais em 1 ano e 11 meses que em 20 anos”, atestou.

INVESTIMENTOS NO SISTEMA PENITENCIÁRIO

Outras aplicações de recursos na área possibilitaram à Secretaria de Administração Penitenciária (Seap) abrir licitação para aquisição de um ainda mais moderno sistema de comunicação e de segurança por monitoramento eletrônico CFTV (Circuito Fechado de Televisão) para todas as unidades prisionais do Estado, através de 1.800 câmeras inteligentes de alta tecnologia com investimentos de R$ 10 milhões.

Também serão executados mais de R$ 23 milhões por meio de convênios para contemplar 21 veículos (caminhonetes, SUVs [carros utilitários], caminhão, ônibus e ambulância), 900 pistolas, 70 fuzis calibre 5.56 mm, 72 espingardas, 950 algemas, 42 escudos balísticos, 93 computadores, 321 rádios comunicadores, entre outros itens voltados a segurança das unidades prisionais.

Também participaram da solenidade: secretário de Estado da Segurança Pública, coronel Araújo; juiz de Execução Penal da 17ª Vara Criminal de Natal, dr. Henrique Baltazar; secretário adjunto da Segurança Pública, delegado Osmir Monte; promotor de Justiça do Ministério Público do RN, Dr. Gláucio Pinto Garcia; subcomandante-geral do Estado Maior da Polícia Militar, Coronel Zacarias Mendonça; secretário adjunto da Seap, Major Avelino; diretor geral do ITEP, Marcos Brandão; coordenadora executiva da Administração Penitenciária do RN, Roberiana Bezerra; presidente da Comissão Especial de Segurança Pública e Política Carcerária/OAB, André Jucá e a diretora da Escola Penitenciária, Liana de Souza.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.