Em apenas 3 meses, número de mortos por coronavírus se aproxima ao da pandemia de H1N1 que durou 1 ano.

Após apenas três meses em que foi observado o início do surto de coronavírus, o número de mortos registrados em todo o mundo pela doença causada pelo Covid-19 já se iguala às mortes registradas em um ano na pandemia do H1N1, a gripe suína. Os números são da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Segundo dados oficiais do órgão ligado às Nações Unidas (ONU), já foram registradas até ontem (24/03) 14.652 mortes por coronavírus em todo o mundo, com 334.981 pessoas infectadas em 189 países. Isso em três meses.

Durante a epidemia de H1N1, a OMS estima que houve pelo menos 15.174 mortes entre o começo de 2009 e janeiro de 2010, em 211 países. O surto de H1N1 durou quase 12 meses.

O diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, destacou que foram necessários 67 dias entre o registro do primeiro caso e que se chegasse a 100 mil casos da doença, 11 dias para que se atingisse a marca de 200 mil “e apenas 4 dias” para ela superar os 300 mil infectados.

Nesse contexto, a OMS insistiu na necessidade de se respeitar orientações como lavar correta e frequentemente as mãos e manter isolamento social.

H1N1 no Brasil

No Brasil, foram confirmados 53.797 H1N1 em 2009, houve 2.098 mortes, o que aponta para uma taxa de letalidade foi de 3,9%, de acordo com o estudo da USP.

Coronavírus no Brasil

Secretarias estaduais de Saúde contabilizam 2.554 infectados em todos os estados do Brasil. Foram registrados 59 mortos. Isso em 30 dias.

Obs: Com dados do site midiamax

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.