Centrão ganha fundo bilionário do MEC

O chefe de gabinete de Ciro Nogueira, Marcelo Lopes, foi nomeado nesta segunda-feira para presidir o FNDE, o fundo bilionário do MEC.

“Nas últimas semanas”, diz Igor Gadelha, da Crusoé, “o governo já havia nomeado outros dois indicados pelo Centrão para diretorias do órgão, que tem orçamento de 54 bilhões de reais previsto para 2020.

Paulo Roberto Ramalho foi nomeado diretor de Tecnologia e Inovação e Garigham Pinto, diretor de Ações Educacionais do FNDE. Eles foram indicados pelo PL, sigla comandada pelo mensaleiro Valdemar da Costa Neto”.

Não, Abraham Weintraub não chamou os chefes do Centrão de “vagabundos”.

O Antagonista*

Gostou? Compartilhe...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais Sobre Brasil

Rolar para cima