Diretor da CIA pediu ao governo Bolsonaro para não questionar mais eleições, diz Reuters

Conversa teria ocorrido durante reunião em julho do ano passado.

O diretor da CIA disse a integrantes do governo de Jair Bolsonaro (PL) que o presidente deveria deixar de questionar a integridade das eleições no país, segundo a Reuters. O alerta, de acordo com fontes ouvidas pela agência, foi feito por William Burns em uma reunião em julho do ano passado.

O diretor da CIA é a autoridade de mais alto escalão dos EUA a ter se reunido em Brasília com o integrantes do Planalto desde a eleição de Joe Biden. Na ocasião, Burns se reuniu com Bolsonaro, com o ministro-chefe do Gabinete Institucional, o general Augusto Heleno, e com o então diretor da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), Alexandre Ramagem.

Até o momento, Bolsonaro (foto) nem a CIA se pronunciaram sobre a reportagem.

O Antagonista*

Gostou? Compartilhe...

Mais Sobre Brasil

Rolar para cima