Sem impeachment, o que vem pela frente é um Bolsonaro sem juízo e sem rumo

Josias de Souza – O ronco das ruas e a pauta corrosiva da CPI enfraquecem Bolsonaro sem derrubá-lo. Nem os mais fervorosos adversários do capitão apostam na aprovação do impeachment. Mas até os aliados mais empedernidos do presidente já duvidam das chances de sua reeleição.

Confirmando-se o sentimento geral, Bolsonaro já iniciou o caminho de volta do Planalto para a planície. O que vem pela frente é o epílogo hipertrofiado de um martírio. O país suportará por um ano e meio a falta de juízo e a ausência de rumo de um presidente que já entrou para a galeria dos piores do ramo.

Continue lendo

Gostou? Compartilhe...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais Sobre Brasil

Rolar para cima