SOLIDARIEDADE aos professores de Caicó

A demissão dos professores contratados expõe a falta de planejamento da gestão pública em Caicó, além de uma atitude desumana com trabalhadores e suas famílias nesse momento de pandemia.

Se o “dever de casa” tivesse sido feito, com o controle do orçamento municipal, os trabalhadores da educação não seriam desempregados. Os cortes também confirmam o quanto o gestão não tem prioridade com a Educação.

No momento em que as instituições de ensino vem discutindo e planejando estratégias de como trabalhar com os estudantes de forma remota na perspectiva de que o acesso ao conhecimento não seja interrompido, o prefeito e sua equipe demitem os profissionais contratados da Educação Municipal.

Entendemos que os servidores públicos não são o problema, mas sim a solução para enfrentar essa crise. Através do diálogo, outras alternativas podem ser tomadas para orientar a gestão.

Demissão é desumano! Nossa solidariedade aos profissionais, a suas famílias e aos estudantes!

Partido Solidariedade Caicó

Gostou? Compartilhe...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mais Sobre Caicó

Rolar para cima