Inflação de abril é a maior para o mês desde 1996

Alimentos e combustíveis puxaram a alta do período, segundo o IBGE; Banco Central fala em aumentos disseminados e persistentes no país.

A inflação oficial em abril ficou 1,06%, segundo acaba de divulgar o IBGE.

É a maior variação do IPCA, o índice oficial, para o mês desde 1996.

Segundo o IBGE, os principais impactos em abril vieram dos grupos alimentação e bebidas (alta de 2,06%) e dos transportes (alta de 1,91%). Juntos, esses dois grupos responderam por cerca de 80% do IPCA de abril.

O próprio Banco Central admite uma inflação disseminada e persistente.

Apesar de ter desacelerado na comparação com março (1,62%), o índice acumula alta de 12,13% no acumulado de 12 meses, acima dos 11,30% observados nos 12 meses imediatamente anteriores. Trata-se da maior inflação em um ano desde outubro de 2003 (13,98%).

Em 2022, o IPCA acumula alta de 4,29%.

Gostou? Compartilhe...

Mais Sobre Economia

Rolar para cima