Ataque russo à estação ferroviária deixa ao menos 27 mortos, diz autoridade local

Pelo menos 27 pessoas morreram e 30 ficaram feridas em um ataque russo a estação ferroviária no leste da Ucrânia, na cidade de Kramatorsk, nesta sexta-feira (8), enquanto civis tentavam fugir para partes mais seguras do país, informou uma porta-voz da região.

“Esta informação é a confirmada pelos socorristas e pela polícia por enquanto”, disse Tetiana Ihnatchenko, porta-voz da região administrativa de Donetsk, em comentários na televisão nacional. “Os números serão muito mais altos”.

A estação ferroviária de Kramatorsk tem sido um centro crucial para a evacuação de civis da região de Donbass.

“[Evacuações] estão acontecendo desde 26 de fevereiro, e os russos sabiam que milhares de pessoas estão lá todos os dias”, disse Ihnatchenko. “Acredito que eles estavam contando com isso”.

A companhia ferroviária Ukrainian Railways informou que os dados operacionais apontam mais de 30 mortes e pelo menos 100 feridos. Segundo a empresa, dois foguetes russos atingiram a estação.

A Rússia não se pronunciou sobre os relatos do ataque. Moscou já negou diversas vezes ataques a civis desde que invadiu a Ucrânia em 24 de fevereiro.

Três trens que transportam refugiados foram bloqueados na mesma região da Ucrânia na quinta-feira (7) após um ataque aéreo na linha, de acordo com o chefe das companhia estatal.

Autoridades ucranianas dizem que as forças russas estão se reagrupando para uma nova ofensiva e que Moscou planeja tomar o máximo de território possível na parte leste da Ucrânia, na fronteira com a Rússia.

Gostou? Compartilhe...

Mais Sobre Mundo

Rolar para cima