Policial

Policial

Suplente de vereador do PL morto no Crato no Ceará já havia sido preso pela PF acusado de extorsão, organização criminosa, tortura, sequestro e peculato

Erasmo Morais também foi policial militar e havia sido expulso da corporação em 1995. O suplente de vereador morto no Crato nesta terça-feira (7) já havia sido preso pela Polícia Federal (PF) em 2010, suspeito de extorsão, organização criminosa, tortura, sequestro e peculato. Erasmo Morais

Leia Mais »

Publicidade

Rolar para cima