Mulher é presa suspeita de matar companheiro com pedaço de cadeira de plástico

Na manhã de ontem (sábado, 05/03), a agricultora de nome Fatinha, de 34 anos, foi presa suspeita de matar o companheiro usando pedaços de uma cadeira de plástico. O crime aconteceu na casa em que a vítima morava, em Teixeira, na Região Metropolitana de Patos.

De acordo com a Polícia Civil, a vítima, a suspeita e mais dois homens estavam juntos ingerindo bebidas alcoólicas.

A vítima teve ciúme da companheira e discutiu com ela e os outros homens que estavam em casa. Durante a discussão, uma cadeira de plástico foi quebrada.

Para à polícia, a suspeita confessou o crime e contou que a vítima tentou agredi-la. Por isso, ela usou a perna da cadeira de plástico que estava quebrada para se defender dando um golpe no pescoço do companheiro.

Após ferir a vítima, todos fugiram. Para a Polícia Militar, a suspeita contou que foi para a casa da irmã e, quando voltou ao local do crime, encontrou o companheiro morto.A vítima é o ex-presidiário Francinaldo Barbosa de Lima, mais conhecido como “Gago” ou “Galego”, que cumpriu pena no Presídio Procurador Romero Nóbrega, em Patos.

A denúncia foi feita por meio de uma ligação anônima. A mulher foi autuada pelo crime de homicídio e está detida na carceragem da Central de Polícia de Patos, onde está à disposição da Justiça. Após passar por uma audiência de custódia, ela deve ser transferida para o presídio feminino da cidade.

Os outros dois homens que estavam no local do crime não foram presos. O corpo da vítima foi levado para o Núcleo de Medicina e Odontologia Legal (Numol) de Patos.

G1 PB com Paraíba Notícias

Gostou? Compartilhe...

Mais Sobre Policial

Rolar para cima