Sindicato repudia troca de efetivos por comissionados aprovada pelo TJRN

Do Blog do Barreto – O Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Poder Judiciário do Estado do Rio Grande do Norte (SindJustiçaRN) se posicionou contra a proposta do Tribunal de Justiça de trocar servidores efetivos por cargos comissionados, a aprovação do anteprojeto que será enviado para a Assembleia Legislativa foi divulgada em primeira mão pelo Blog do Barreto (saiba mais AQUI).

A entidade repudiou a proposta tratando-a como um retrocesso. “O PL compromete e representa um perigo na qualidade do serviço oferecido para a sociedade. A extinção desses cargos, substituídos por cargos comissionados, representa o desmonte do serviço público”, afirmou.

O TJRN quer trocar 141 cargos efetivos por 167 cargos comissionados.

Confira a nota na íntegra:

É com grande indignação e repúdio que o SindJustiçaRN, Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Poder Judiciário do Estado do Rio Grande do Norte, informa à sociedade sobre a aprovação do Projeto de Lei, no pleno do tjrn, nesta quarta-feira, 22, que trata da extinção de cargos de Analista Judiciário e Oficias de Justiça, e, em paralelo, a criação de cargos comissionados.

O PL compromete e representa um perigo na qualidade do serviço oferecido para a sociedade. A extinção desses cargos, substituídos por cargos comissionados, representa o desmonte do serviço público.

A pergunta que fica é: “A quem interessa substituir servidores concursados por comissionados?”

A diretoria do SindJustiçaRN, com suas sindicalizadas e sindicalizados, irão tomar as medidas necessárias para que esse trabalho de desestruturação do sistema de justiça seja impedido.

Contamos com o apoio da população nesta luta, pois, o nosso comprometimento é por uma justiça comprometida com a sociedade e com a implementação de melhoria na estrutura funcional do Poder Judiciário.

Gostou? Compartilhe...

Mais Sobre Rio Grande do Norte

Rolar para cima